REGRA 16 - ARREMESSO LATERAL


 

1. O tiro lateral será cobrado sempre que a bola atravessar inteiramente as linhas laterais, quer pelo solo, quer pelo alto ou tocar no teto.
2. O retorno da bola à quadra de jogo dar-se-á com a movimentação da mesma com os pés no exato local onde saiu à bola, em qualquer direção, executado por um atleta adversário daquela equipe que tocou a bola por último.
3. O atleta que no momento em que executar o tiro lateral deverá fazê-lo com uma parte de um dos pés sobre a linha lateral ou na parte externa da quadra de jogo.
4. A bola estará em jogo assim que o tiro lateral for concretizado de acordo com esta regra, e a bola movimentada.
5. O atleta que executar o tiro lateral não poderá tocar uma segunda vez na bola enquanto outro atleta não tocar na bola.
6. Se um atleta executar o tiro lateral contra sua própria meta ou a meta adversária e a bola penetrar na mesma diretamente, o tento não será válido. O árbitro determinará que a partida seja reiniciada com cobrança de tiro de canto a favor da equipe adversária se o atleta cobrou contra sua própria meta e, arremesso de meta se cobrou contra a meta adversária.
7. Se um atleta executar o tiro lateral contra a sua própria meta, e o goleiro tentar agarrar a bola tocando com suas mãos, e a mesma penetrar no gol, o tento será válido.
8. Se um atleta executar o tiro lateral contra a meta adversária a bola penetrar na mesma, tocando no goleiro ou em qualquer outro atleta, o tento será válido.
9. Quando da realização de tiro lateral, os atletas adversários deverão respeitar a distância mínima de 5 (cinco) metros de distância da bola.
10. Na execução do tiro lateral a bola deverá estar apoiada no solo, colocada sobre a linha demarcatória da lateral, podendo mover-se levemente.
11. Quando a bola sair da quadra e ao mesmo tempo houver uma substituição de atleta, este atleta para executar qualquer jogada, deverá primeiro entrar na quadra pela zona de substituição, mesmo quando for tiro lateral e coincide com o espaço correspondente a zona de substituição.
12. O atleta que for executar o tiro lateral deverá fazê-lo nos 4 (quatro) segundos posteriores ao recebimento da bola.
13. Se, a bola for colocada em jogo de maneira irregular, fora do local onde saiu, demorar mais de 4 (quatro) para a execução ou infringir a esta regra de qualquer maneira, o árbitro determinará reversão do lance, cabendo a um atleta da equipe adversária a execução de novo tiro lateral.
PUNIÇÃO
a. Se um atleta executar o tiro lateral e tocar uma segunda vez na bola, antes que qualquer outro atleta o faça, sua equipe será punida com a cobrança de um tiro livre indireto a favor da equipe adversária no exato lugar onde se encontrava a bola, salvo se dentro da área penal ou meta da equipe infratora, quando então será cobrada sobre a linha da área no ponto mais próximo de onde ocorreu à infração.
b. Se um atleta demorar mais de 4 (quatro) segundos para executar o tiro lateral o árbitro determinará reversão do lance, cabendo a um atleta da equipe adversária a execução de novo tiro lateral.
c. Se um atleta executar o tiro lateral, sem antes entrar na quadra de jogo, o atleta deverá ser punido com cartão amarelo e o tiro lateral revertido em favor da equipe adversária.

Voltar
Todos os direitos reservados a Federação Roraimense de Futebol de Salão - F R F S